terça-feira, 27 de novembro de 2012

Redução de Custos – Custos de Prevenção


Os Custos de prevenção são resultantes da somatória de todos os gastos associados às medidas tomadas para planejar o processo de modo a garantir que não ocorrerão defeitos. 
 

Exemplos de custos de prevenção são:
 
·         Treinamento dos colaboradores da empresa.
·         Manutenção preventiva das máquinas e equipamentos.
·         Inspeção de recebimento.
·         Desenvolvimento de fornecedores.
·         Verificação de equipamentos de inspeção.
·         Auditorias de Qualidade
·         Ações preventivas.
·         Pesquisas com clientes.

Este é uma dos custos incorridos por existir um controle de qualidade, ou seja, da entidade investir na prevenção de falhas, como relata o ditado popular “é melhor prevenir do que remediar”. Analisando o fluxo dos custos da qualidade percebemos que ao investir em custos de prevenção haverá uma redução dos custos por falhas e consequentemente redução em avaliação.

Um relatório de custos da qualidade padrão sempre demonstrará valores relacionados a esses custos superiores aos demais, uma vez que o centro da Gestão da Qualidade está inserido neste meio, os investimentos realizados resultaram no aperfeiçoamento constante dos processos, estando situados no âmbito tático do sistema.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...